Oi meninas! Tudo bem por aí?
Aqui tudo ótimo, graças a Deus!

Lendo o texto da Carol (De repente quero ser mãe), parei para refletir um pouco sobre o Baby Blues. Quando eu estava nessa fase, me perguntava a todo minuto qual o motivo de não me contarem sobre isso. Poxa, tinha muitas amigas que já eram mães e elas não me alertaram daquela sensação. Não me disseram que era daquele jeito, fizeram parecer que tudo era perfeito. Na verdade, somente duas pessoas me falaram mais ou menos o que era e não me deram tantos detalhes. O Baby Blues é um tabu. E sabe o que eu acho? Acho que as mulheres não falam por terem medo de serem julgadas, pois os sentimentos são realmente contraditórios. Sentimos arrependimento, muito medo, tristeza em muitos momentos, ficamos perdidas e ainda tem a culpa.

"A mãe vê todo mundo feliz, o bebê em ótimas condições de saúde e tudo está perfeito, mas ela não consegue se sentir bem e começa a achar que está louca".
(Crescer)

Muita gente acha frescura e realmente nos julgam, principalmente quem ainda não é mãe. Acontece que o Baby Blues pega todo mundo: Quem engravidou sem querer, tentante de longos anos, tentante de pouco tempo, quem já é mãe. Não tem muita escapatória. Existem mulheres que juram que não sentiram nada. Eu acredito. No tempo das nossas mães ou avós ninguem tinha isso. Minha mãe brigou comigo diversas vezes, pois ela não teve isso, toda hora repetia, aliás. Graças a Deus, o meu marido me apoiou bastante e minhas amigas também (aí sim elas falaram do Baby Blues!).

É claro que não dá pra chegar em uma grávida do nada e falar sobre isso, mas em um bate papo e se ela tocar no assunto, devemos comentar. Eu mesma fiz isso muitas vezes, cheguei a perguntar, mas só sabiam me falar que "é maravilhoso ser mãe" e realmente é... Mas, como em tudo que é maravilhoso, existe um preço a pagar.

Para quem é tentante e gestante vale muito a pena se informar e tentar se preparar.

Para quem está vivendo isso, te digo o mantra de todas as mães: Vai passar! Respire fundo, vai passar.

Eita que o tempo tá voando, minha gente. Como pode isso?

Bom, a tempestade passou e agora temos só uma chuvinha... rsrs Graças a Deus o Heitor acalmou mais. Está com dois dentões superiores e o sorriso mais lindo do mundo. Continua irritadinho, babando bastante, mas nada como no mês passado. Continuo com a Camomilina C que, com certeza, está ajudando muito. Agora é um dente atrás do outro.

Fiquei impressionada com o desenvolvimento dele. Ficou super esperto e cheio de vontades. Está bem apegado comigo e olha dentro dos meus olhos para expressar algo. Aprendeu a bater palminha e quase morremos de tanta fofura. Também aprendeu a rolar! Vira e desvira o tempo todo. Quando não quer mais comer ou beber, ele mesmo afasta minha mão, caso eu esteja dando água ou papinha... rsrs Também faz isso quando quer ver algo e estamos em sua frante. Um fofo! kkk Notei que está mais agitado, não para quieto. Ele tinha melhorado, mas voltou. Temos que inventar sempre algo novo, nada o satisfaz por muito tempo.

Alimentação a mesma coisa: Fruta come de boca cheia, mas a papa salgada... Quer nem saber. Vou insistir mais um pouco, se não funcionar mesmo, vou partir para o BLW.

O sono também na mesma. Aliás, piorou. A noite acorda a cada uma hora e meia. Gente, confesso que isso está acabando comigo. As minhas noites estão complicadas. Quando anoitece tenho vontade de chorar, pois jà sei o que irá acontecer. Sei que é tudo culpa minha... Deveria ter estabelecido uma rotina, um ritual, ter ensinado ele a dormir sozinho. Sei que o erro é meu por não seguir meus instintos e seguir recomendações dos outros ou simplesmente porque deixar ele dormir no peito é mais fácil. Ainda estou pensando no que fazer, se fecho ou não a Consultoria. Ou se crio meu próprio método, sei lá. Enquanto isso continuo super estressada, cabelo caindo aos montes e o cansaço enorme. Preciso tomar minha decisão.

Agora chega de mimimi. Bora babar nesse sorriso!

Oi minha gente!

Depois de um ano e cinco meses lá vou eu fazer outro Beta HCG. Não esperava fazer isso tão cedo. Acontece que desde 11.12.2014 não menstruo mais. Depois que o Heitor nasceu, com a amamentação, a M também não deu as caras em nenhum mês (e eu to amando!).  A minha GO pediu para tomar Nactali enquanto eu amamentar, mas eu sou ótima em esquecer as coisas e até hoje não consegui tomar uma cartela inteira... E sabe de outra? Não me previni confiando na amamentação. Ainda por cima sem a M, a coisa fica muito complicada.

Pois bem, meu cabelo começou a cair muito quando o Heitor completou três meses e ainda não parou. Cai muito, muito mesmo. Fui na Dermatologista que passou alguns exames de sangue e no laboratório pedi pra incluir o Beta HCG Quantitativo. Fiquei pensando: "Meu Deus, pq não me cuidei? Foi assim que engravidei do Heitor. Será que não vou aprender?? Sem a M fico nas escuras, ainda sentindo tontura. O que eu vou fazer se esse exame for positivo??"

Voltei pra casa e como todas já sabemos, entrei no site toda hora pra ver se tinha saido o resultado. Acho que todas fazem isso, né??? Kkk
Finalmente o resultado acabou de sair e foi negativo. Engraçado reviver isso. Um frio na barriga só de pensar em um valor maior que 25 mUI/mL.

Não tenho planos para um segundinho(a). Quer dizer, tenho, mas não tenho... rsrs Não consigo nem pensar nisso direito, por isso, baixei um aplicativo para me lembrar da pílula e estou conseguindo tomar certinho. \o/ Bora se cuidar, não dá pra vacilar outra vez (mesmo sendo o melhor vacilo da minha vida!).

Beijos