E dia 18 o meu amor fez 10 meses. Gente, para tudo! Ou melhor, para o tempo, pq ta passando muito rápido!

Como falei no post anterior, com 9 meses e 20 dias o Heitor estava com 9900kg e 74cm. Não sei se engordou ou cresceu, pois parou de comer. Todo dia é um sofrimento na hora de oferecer a comida, mas bola pra frente. Uma hora ele come.

Está se desenvolvendo mto bem. Aperfeiçoou o que já sabia, agora consegue levantar sozinho em alguns lugares, fica alguns segundos em pé sem apoio, começou a demonstrar mta chateação qdo é contrariado ou qdo tiramos algo da mão dele, chora qdo falo firme com ele e está falando a língua dos bebês mto bem. Percebi que ele entende mta coisa, mais do que imagino. Está um grude com a mamãe e o papai, aliás, adora dormir grudado no pai... rsrs Não pode escutar as músicas que ele gosta que já começa a dançar... kkkk Um barato, mto fofo! Rasgaram mais dois dentes, agora são 8 dentinhos. O sorriso dele está lindo de morrer.

O sono está melhor, pois fui vencida pela cansaço e ele está dormindo na minha cama, além de um ritual do sono (ele entende super bem qdo chega a hora de dormir). De dia tb intensifiquei uma rotina, que ele já tinha, mas estou seguindo a risca sempre que possível. Sempre respeitei as janelas de sono dele, mas agora é mais que sagrado. Deu a horinha do coxilo ou mostrou sinal de sono já coloco pra dormir. E assim vamos seguindo.

Sobre a cama compartilhada, é muito frustrante, mas é a única forma de dormir melhor. Se ele acorda, mama ali mesmo, dorme ali mesmo e ponto. Sei que um dia isso vai acabar e vou chorar de saudade.

É isso. Só sei que planejamos tanta coisa e essas coisinhas chegam e mudam tuuudooo. Aí vamos dançando conforme a música, tentando fazer o melhor para a cria.

Beijos

Olá, minha gente!

Eita que um dos meses mais lindos do ano chegou (faz um tempinho, eu sei...rs). Teve meu niver de 27 anos e niver de 3 anos de casamento. Ah, como já falei aqui, seria o mês que iniciaria as tentativas. Seria uma tentante.

Estava pensando nisso. Como passou rápido. Eu tinha tantos planos... Queria chegar na minha GO e falar: Dra, queremos engravidar!
E aí fazer todos os exames pré-concepcionais, estudar o Fertility Friend todinho, medir a TB certinho, talvez até testes de ovulação, se não acontecesse logo iria tomar todos esses chás... Ah, como planejei minha vida de tentante. Mas aí aconteceu de esquecer de colocar o adesivo (leia aqui), deixamos rolar acreditando/tendo certeza de que nada iria acontecer e pimba: Engravidei. Falando a verdade, eu queria muito ter vivido essa fase, mas Deus sabe de tudo.

Hoje olho para o Heitor e penso: Como eu fui tão boba? Como eu fui querer adiar assim sua chegada? Ainda bem que vc veio logo, meu amor!

As vezes fico pensando como seria se ele não estivesse aqui, mas não dá. Ele faz parte de nós, não dá mais pra viver sem o nosso amor.

Esses dias tenho andado bem chateada e triste. Aqui as coisas regressaram bastante. O Heitor que estava dormindo bem no berço, agora não quer mais, quer dormir colado no papai e na mamãe. Isso é pra pagar a língua, minha gente. Consegui estabelecer bem uma rotina aqui em casa e um ritual para dormir. Tem funcionado, mas o sono noturno só é bom se dormir com a gente. A outra é que antes ele estava comendo duas pratadas por dia de fruta, agora não quer absolutamente nada. Está só no peito, água e toma um suquinho de vez em quando. Sorte que está ganhando peso e crescendo bem. Dia 08 fomos ao pediatra e estava com 9900kg e 74cm. A pediatra acha a mesma coisa que eu: Dente. Continuo insistindo, pois ele vai voltar a comer. Só que eu sempre me sinto culpada. Sinto como se não estivesse desempenhando bem meu papel de mãe, é realmente muito frustrante. Até agora não consegui concluir nada com sucesso... Nem a IA e nem o sono noturno. Aí fico pensando nas outras coisas que virão: Será que vou dar conta? Me sinto muito mal com tudo isso. O marido sempre conversa comigo, me dá uma outra visão das coisas. Eu sei que o Heitor é bem difícil, não conheci nenhum bebê como ele. É cheio de particularidades. Mas eu queria de verdade fazer meu filho comer bem e dormir bem. Dói aqui dentro não conseguir fazer isso. Tem sido um mês bem complicado, emocionalmente falando. Maaasss... Vai passar, certo?

Retornei com a dermatologista e meus exames de sangue estão ótimo. A queda de cabelo realmente é por causa da amamentação. Enquanto eu amamentar será assim. Ela me indicou dois shampoos e já surtiu efeito. Ela falou que realmente segura bem a queda. Outra dica que minha deu é usar Bepantol Spray, vou testar e conto aqui. Por enquanto, só isso. Beijos